Del
Del

Del

Platanos
Platanos

Platanos

Bailar
Bailar

Bailar

Broing
Broing

Broing

Ÿ˜‚
Ÿ˜‚

Ÿ˜‚

Ÿ˜…
Ÿ˜…

Ÿ˜…

Ÿ˜˜
Ÿ˜˜

Ÿ˜˜

Porque
Porque

Porque

Diversion
Diversion

Diversion

Una Puta
Una Puta

Una Puta

🔥 | Latest

bomba: Well its a problem by toshiba_bomba MORE MEMES
bomba: Well its a problem by toshiba_bomba
MORE MEMES

Well its a problem by toshiba_bomba MORE MEMES

bomba: vISIbl SiOn Soviet Scientists observing Tsar Bomba, 30 October 1961
bomba: vISIbl
 SiOn
Soviet Scientists observing Tsar Bomba, 30 October 1961

Soviet Scientists observing Tsar Bomba, 30 October 1961

bomba: <h2>Bomba Nuka Cola</h2>
bomba: <h2>Bomba Nuka Cola</h2>

<h2>Bomba Nuka Cola</h2>

bomba: liquorsofthepot: gelopanda: I wish I knew the artist. Bomba y Plena by Santos Torres
bomba: liquorsofthepot:
gelopanda:

I wish I knew the artist.


Bomba y Plena by Santos Torres

liquorsofthepot: gelopanda: I wish I knew the artist. Bomba y Plena by Santos Torres

bomba: Nisso? Other Groom Bride Noivo larga a mulher para fugir com convidada da festa de casamentO /ACREDITANISSOOFICIAL @ACREDITANISSO @AcreditaNisso? Michelle Young esperou longos sete anos para se casar e, quando conseguiu realizar seu sonho, levou o maior baque de sua vida. Ela, que é de Andover, Hampshire, na Inglaterra, foi abandonada três meses depois do casório. Como se não bastasse, ela descobriu que o noivo, Alan Hoffman, 36, fugiu com uma das convidadas do casamento, Gemma Hadley. Ela e Hoffman trabalham juntos, e a noiva não viu nenhum problema em convidar os colegas de trabalho do marido. O casal estava junto há onze meses quando Hoffman, um ex-soldado de infantaria do exército, fez o pedido. "Quando eu vi o anel eu quase chorei. Estava tão feliz, mal podia esperar para se casar com ele", diz Michelle. O relacionamento, segundo ela, pegou fogo e logo foram morar juntos. Depois de seis anos, finalmente marcaram a data do casório. Michelle passou um ano inteirinho animada, planejando os mínimos detalhes da festa. Apesar do sucesso, ela não deixou de notar quando Alan sumia para conversar com seus amigos que ela mal conhecia. Nas semanas seguintes, ele se tornou distante e menos interessado em sexo. Antes de completar quatro meses de casados, Alan chegou do trabalho dizendo que eles precisavam conversar. E soltou a bomba: "eu não te amo mais" . Contou, em seguida, sobre seus sentimentos por Gemma. Michelle sempre se sentiu ameaça por conta da aparência da "amiga do marido". Era mais magra e, segundo ela, mais bonita. Os dois também viviam de conversinha. Claro, o marido alegou que nunca houve nada entre eles, mas o amigos contaram, futuramente, que eles saíram juntos algumas vezes, e almoçavam a sós durante o expediente de trabalho. Apesar do trauma, Michelle diz que está tentando seguir em frente com a sua vida. Mas não esconde o decepção: "fiquei com o coração despedaçado". Só resta seguir em frente com sua vida, enquanto o ex e Gemma estão juntos! Fonte: R7 . SIGAM-ME OS CURIOSOS ➡️ @Nandinhatw (ADM) 💋
bomba: Nisso?
 Other
 Groom Bride
 Noivo larga a mulher
 para fugir com
 convidada da festa
 de casamentO
 /ACREDITANISSOOFICIAL
 @ACREDITANISSO
@AcreditaNisso? Michelle Young esperou longos sete anos para se casar e, quando conseguiu realizar seu sonho, levou o maior baque de sua vida. Ela, que é de Andover, Hampshire, na Inglaterra, foi abandonada três meses depois do casório. Como se não bastasse, ela descobriu que o noivo, Alan Hoffman, 36, fugiu com uma das convidadas do casamento, Gemma Hadley. Ela e Hoffman trabalham juntos, e a noiva não viu nenhum problema em convidar os colegas de trabalho do marido. O casal estava junto há onze meses quando Hoffman, um ex-soldado de infantaria do exército, fez o pedido. "Quando eu vi o anel eu quase chorei. Estava tão feliz, mal podia esperar para se casar com ele", diz Michelle. O relacionamento, segundo ela, pegou fogo e logo foram morar juntos. Depois de seis anos, finalmente marcaram a data do casório. Michelle passou um ano inteirinho animada, planejando os mínimos detalhes da festa. Apesar do sucesso, ela não deixou de notar quando Alan sumia para conversar com seus amigos que ela mal conhecia. Nas semanas seguintes, ele se tornou distante e menos interessado em sexo. Antes de completar quatro meses de casados, Alan chegou do trabalho dizendo que eles precisavam conversar. E soltou a bomba: "eu não te amo mais" . Contou, em seguida, sobre seus sentimentos por Gemma. Michelle sempre se sentiu ameaça por conta da aparência da "amiga do marido". Era mais magra e, segundo ela, mais bonita. Os dois também viviam de conversinha. Claro, o marido alegou que nunca houve nada entre eles, mas o amigos contaram, futuramente, que eles saíram juntos algumas vezes, e almoçavam a sós durante o expediente de trabalho. Apesar do trauma, Michelle diz que está tentando seguir em frente com a sua vida. Mas não esconde o decepção: "fiquei com o coração despedaçado". Só resta seguir em frente com sua vida, enquanto o ex e Gemma estão juntos! Fonte: R7 . SIGAM-ME OS CURIOSOS ➡️ @Nandinhatw (ADM) 💋

@AcreditaNisso? Michelle Young esperou longos sete anos para se casar e, quando conseguiu realizar seu sonho, levou o maior baque de sua...

bomba: Pais dizem que jovem que passou mal em academia pediu desculpas por usar anabolizantes antes de morrer Mais um caso se torna público, mas infelizmente há diversos outros que permanecem anônimos... O triste é que aparecerão descarados dizendo que ela usou errado, que tem coisa além da bomba, que tem gente que toma e não tem nada, que existem drogas mais populares e-ou mais maléficas... Vamos lá: 1) Usou errado. Usar esteroides anabolizantes com finalidades estéticas sempre será errado, pois os danos à saúde são injustificáveis diante dos resultados transitórios e fúteis. 2) Ela fazia mais coisa errada além da bomba. Isso é uma lógica estúpida. Daqui a pouco um alcoólatra morre e dirão que foi culpa dos petiscos que acompanham a bebida!? Desconheço seres humanos de vida perfeita, e mesmo que houvesse, o uso de esteroides anabolizantes aumentaria o risco de problemas. Se você tiver bons hábitos o risco é menor, mas ainda assim ele é aumentado. Além disso, há fatores predisponentes que não podem ser controlados. 3) Tem gente que toma bomba e não tem nada. Esse merece o chapéu de anta! Eu conheço gente que dirige bêbada e não bate carro, fumante que não tem problemas pulmonares, sedentário que não tem problema cardíaco, obeso que não tem diabetes, drogados com mais de 70 anos... então libera geral? Aumentar risco não signific certeza de que o problema ocorrerá. 4) Existem outras coisas que fazem mal. Sim, e a maioria é controlada, como na repressão às drogas ilícitas e alertas e restrições sobre as lícitas. Um erro não justifica o outro. Imagina seu filho chegar em casa embriagado e falar “larga de ser hipócrita, você toma bomba!”. Achou o exemplo ruim? Pois não ache, já que estudos indicam que os riscos dos usuários de esteroides equivale ao de outra drogas. E falo de bomba porque vivo e trabalho com exercício... Felizmente não vejo muitas pessoas abusando de álcool, cigarros ou outras drogas e tampouco vejo profissionais de saúde defendo seu uso. Mas já vi amigos perderem a vida e outros se destruírem tanto do ponto de vista psicológico quanto fisiológico devido aos esteroides anabolizantes e TODOS usavam um dos 4 argumentos acima. Chega, né? teamcerebro conhecimentoépoder nobrainnogain
bomba: Pais dizem que jovem que
 passou mal em academia
 pediu desculpas por usar
 anabolizantes antes de morrer
Mais um caso se torna público, mas infelizmente há diversos outros que permanecem anônimos... O triste é que aparecerão descarados dizendo que ela usou errado, que tem coisa além da bomba, que tem gente que toma e não tem nada, que existem drogas mais populares e-ou mais maléficas... Vamos lá: 1) Usou errado. Usar esteroides anabolizantes com finalidades estéticas sempre será errado, pois os danos à saúde são injustificáveis diante dos resultados transitórios e fúteis. 2) Ela fazia mais coisa errada além da bomba. Isso é uma lógica estúpida. Daqui a pouco um alcoólatra morre e dirão que foi culpa dos petiscos que acompanham a bebida!? Desconheço seres humanos de vida perfeita, e mesmo que houvesse, o uso de esteroides anabolizantes aumentaria o risco de problemas. Se você tiver bons hábitos o risco é menor, mas ainda assim ele é aumentado. Além disso, há fatores predisponentes que não podem ser controlados. 3) Tem gente que toma bomba e não tem nada. Esse merece o chapéu de anta! Eu conheço gente que dirige bêbada e não bate carro, fumante que não tem problemas pulmonares, sedentário que não tem problema cardíaco, obeso que não tem diabetes, drogados com mais de 70 anos... então libera geral? Aumentar risco não signific certeza de que o problema ocorrerá. 4) Existem outras coisas que fazem mal. Sim, e a maioria é controlada, como na repressão às drogas ilícitas e alertas e restrições sobre as lícitas. Um erro não justifica o outro. Imagina seu filho chegar em casa embriagado e falar “larga de ser hipócrita, você toma bomba!”. Achou o exemplo ruim? Pois não ache, já que estudos indicam que os riscos dos usuários de esteroides equivale ao de outra drogas. E falo de bomba porque vivo e trabalho com exercício... Felizmente não vejo muitas pessoas abusando de álcool, cigarros ou outras drogas e tampouco vejo profissionais de saúde defendo seu uso. Mas já vi amigos perderem a vida e outros se destruírem tanto do ponto de vista psicológico quanto fisiológico devido aos esteroides anabolizantes e TODOS usavam um dos 4 argumentos acima. Chega, né? teamcerebro conhecimentoépoder nobrainnogain

Mais um caso se torna público, mas infelizmente há diversos outros que permanecem anônimos... O triste é que aparecerão descarados dizend...

bomba: 5:20 pm . Resistencia devuelve bomba hiriendo a GNB. La Carlota, Caracas. @JoeColmenaresV @venezuelalucha Soloenvenezuela
bomba: 5:20 pm . Resistencia devuelve bomba hiriendo a GNB. La Carlota, Caracas. @JoeColmenaresV @venezuelalucha Soloenvenezuela

5:20 pm . Resistencia devuelve bomba hiriendo a GNB. La Carlota, Caracas. @JoeColmenaresV @venezuelalucha Soloenvenezuela

bomba: <p>A este gato parece que le ha explotado una bomba de dibujos animados en la cara</p>
bomba: <p>A este gato parece que le ha explotado una bomba de dibujos animados en la cara</p>

<p>A este gato parece que le ha explotado una bomba de dibujos animados en la cara</p>

bomba: Segura essa BOMBA que o Neto traz com exclusividade
bomba: Segura essa BOMBA que o Neto traz com exclusividade

Segura essa BOMBA que o Neto traz com exclusividade

bomba: 09 MAYO 2017 Venezolano capaz de respirar bombas lacrimogenas se une a los X-Men E L C H I G U I RE B 1 P 0 L A R N E T El Profesor Charles Xavier, mejor conocido como el Profesor X, anunció en rueda de prensa que a partir de hoy Alcides Pérez (25), un venezolano capaz de respirar bombas lacrimógenas, se une al equipo de los X-Men - El Profesor X, quien hizo una pausa de leer la mente del supervillano Diosdado Cabello, aseguró que “Alcides es un diamante en bruto con un potencial como pocos. He visto mutantes que lanzan rayos por los ojos, controlan el clima y hasta que se regeneran, pero ninguno de ellos es capaz de oler una bomba lacrimógena y no empezar a moquear. Es más, Cíclope es tan niña que se puso a llorar. Bestia puede devolver las bombas, pero se afecta muy rápido. En cambio este chico las respira con normalidad, como si fuese oxígeno. Esto le da una clara ventaja a la hora del combate y a futuro este poder puede evolucionar a respirar tranquilo en cualquier ambiente como armas biológicas, otros planetas o una pescadería. Su nombre de héroe es Lacraman, él mismo lo escogió” finalizó el Profesor X - Por otro lado, Tormenta, quien nos sorprendió por su gran parecido con la actriz Halle Berry, afirmó no entender qué papel tendrá el venezolano en el equipo. “O sea, el es muy muy simpático y aunque tiene poco tiempo aquí nos hace reír muchísimo, pero más allá de eso, ¿En qué va a ayudar? No me imagino yo haciendo un tornado para envolver a Apocalipsis mientras Jean se mete en su mente y Wolverine se desgarra la piel para herirlo. Y Lacraman ahí; respirando. Pero bueno, eso es parte de la emigración de los venezolanos” sentenció Tormenta justo antes de ser rescatada por Lacraman después de que Magneto atacará la Mansión X con bombas lacrimógenas.
bomba: 09 MAYO 2017
 Venezolano capaz de respirar
 bombas lacrimogenas se une
 a los X-Men
 E L C H I G U I RE B 1 P 0 L A R N E T
El Profesor Charles Xavier, mejor conocido como el Profesor X, anunció en rueda de prensa que a partir de hoy Alcides Pérez (25), un venezolano capaz de respirar bombas lacrimógenas, se une al equipo de los X-Men - El Profesor X, quien hizo una pausa de leer la mente del supervillano Diosdado Cabello, aseguró que “Alcides es un diamante en bruto con un potencial como pocos. He visto mutantes que lanzan rayos por los ojos, controlan el clima y hasta que se regeneran, pero ninguno de ellos es capaz de oler una bomba lacrimógena y no empezar a moquear. Es más, Cíclope es tan niña que se puso a llorar. Bestia puede devolver las bombas, pero se afecta muy rápido. En cambio este chico las respira con normalidad, como si fuese oxígeno. Esto le da una clara ventaja a la hora del combate y a futuro este poder puede evolucionar a respirar tranquilo en cualquier ambiente como armas biológicas, otros planetas o una pescadería. Su nombre de héroe es Lacraman, él mismo lo escogió” finalizó el Profesor X - Por otro lado, Tormenta, quien nos sorprendió por su gran parecido con la actriz Halle Berry, afirmó no entender qué papel tendrá el venezolano en el equipo. “O sea, el es muy muy simpático y aunque tiene poco tiempo aquí nos hace reír muchísimo, pero más allá de eso, ¿En qué va a ayudar? No me imagino yo haciendo un tornado para envolver a Apocalipsis mientras Jean se mete en su mente y Wolverine se desgarra la piel para herirlo. Y Lacraman ahí; respirando. Pero bueno, eso es parte de la emigración de los venezolanos” sentenció Tormenta justo antes de ser rescatada por Lacraman después de que Magneto atacará la Mansión X con bombas lacrimógenas.

El Profesor Charles Xavier, mejor conocido como el Profesor X, anunció en rueda de prensa que a partir de hoy Alcides Pérez (25), un vene...